Funil De Vendas Tudo O Que Voce Precisa Saber 1 - Ericson Cardoso

Funil de Vendas: Tudo o que você precisa saber!

Este termo, já está bem divulgado no meio digital. Inclusive muitos “oráculos digitais” vendem cursos de alto valor para ensinar sobre essa técnica. Mas ela é tao complexa assim?
Bom, agora vamos te apresentar os principais detalhes sobre o Funil de Vendas, seus principais benefícios e como implementar em suas estratégias!

Muitos gestores comerciais e vendedores querem um crescimento de vendas ESPETACULAR. Bater o sininho de forma frenética, e claro, querem isso em tempo recorde. Convenhamos, se você tem um bom Funil de Vendas, esse desejo não é impossível. Na verdade, ele se torna altamente recomendado, e sua eficiência está diretamente ligada à sua disposição de fazer acontecer!

Tudo é questão de como você desenha um processo, aplica, testa, aprimora e escala. Essa é a “fórmula”.
A questão é, ter a atenção e perspicácia de executar o processo até o fim.

Já adianto, sabe por que muitas empresas desistem, ou abandonam o processo? Por que não consideram fatores básicos: pessoas, ferramentas, mercado e diferenciação.

Funil De Vendas Com Jornada De Compra - Blog UX4YOU

O que é o Funil de Vendas?

Funil de vendas é uma representação das etapas que um potencial cliente passa, desde o primeiro O funil de vendas é um modelo estratégico separado por estágios, estruturando de forma visual toda a jornada de compra de um cliente em potencial. Normalmente um funil de vendas (ou pipeline) é dividido em 3 etapas: topo de funil (ToFu), meio de funil (MoFu) e fundo de funil (BoFu).

O funil de vendas é um modelo estratégico que mostra a jornada do cliente, desde o primeiro contato dele com a empresa até o fechamento do negócio. É formado por um conjunto de etapas e gatilhos cujo objetivo é dar suporte à jornada de compra das personas de uma determinada organização.

Um dos principais requisitos para iniciar um funil de vendas é aliar áreas de Marketing e Vendas, fornecendo uma estrutura realista para a jornada de Leads e passagem de oportunidades no momento certo para a abordagem de vendas.

As 4 etapas do funil de vendas

  • Atenção / Aprendizagem / Descoberta
    • O que chamamos de Topo de funil. Que é quando o usuário identifica/descobre sobre uma necessidade ou oportunidade.
  • Interesse / Reconhecimento do problema
    • Esse é o meio do funil de vendas. Nessa fase o usuário procura entender melhor o problema e considera encontrar soluções.
  • Decisão / Desejo
    • Esse já é o fim do funil de vendas, mas geralmente o usuário considera buscar alternativas e fazer comparações.
  • Ação / Fechamento
    • Definitivamente o fim do funil. É a etapa que o usuário executa ação de compra. Embora pareça que acaba. Nessa etapa tem diversas ações e detalhes que precisam de atenção. Em especial quando se trata de um serviço ou produto de alto valor.

AIDA é a sigla para Atenção, Interesse, Desejo e Ação. Trata-se de uma estratégia usada por equipes de marketing e de vendas que tem como base o comportamento do lead durante a sua jornada de compra.

A proposta desse modelo de atuação é direcioná-lo de forma mais precisa pelo funil de vendas, ajudando-o em sua tomada de decisão e reduzindo o tempo desse processo.

Os principais benefícios do Funil de Vendas

  1. Otimização do processo de vendas
  2. Esclarecimento do processo de compra para a equipe
  3. Facilidade para perceber o momento certo de abordar o cliente
  4. Mais eficiência e produtividade da equipe de vendas
  5. Visão clara das etapas do processo que precisam ser melhoradas
  6. Redução drástica no desperdício de oportunidades de vendas
  7. Maior valorização do produto e ganho de ideias para novas soluções relacionadas
  8. Aumento de vendas casadas
  9. Melhora nas oportunidades de relacionamento
  10. Aumenta as chances de fidelização de clientes
Como E Onde Aplicar O Funil De Vendas - Blog UX4YOU

Como funciona na prática a estrutura do funil de vendas no marketing digital?

Até aqui, você já sabe o que é o funil e como ele se divide. Mas e como e quando essas etapas são acionadas?

Topo do funil

O topo do funil é o estágio onde os esforços são direcionados a um cliente em potencial que não conhece seu negócio, serviço/produto ou marca. Nessa etapa é mais recomendado que o marketing foque na apresentação e promoção do que você oferece. E isso pode ser feito de diversas maneiras:

  • Através de redes sociais;
  • Blogs e outros canais que seu cliente costuma visitar
  • Anúncios patrocinados
  • Em eventos locais e online
  • Ações offlines, estratégias de viralização e outras tantas.

Todas essas estratégias visam conectar esse possível cliente à sua marca. Nesta fase, também é interessante considerar que o seu cliente-alvo, ou persona, muitas vezes não sabe sequer que tem um problema ou que precisa da sua solução. Sendo assim é importante focar nas necessidades, usar gatilhos mentais e focar nas dores , que na maioria das vezes são inconscientes.

Veja este exemplo: Você é uma empresa de contabilidade e quer atrair seus clientes usando conteúdos como:

Quer ser dono do seu próprio negócio e ter mais autonomia?

Antes de abrir uma empresa, você deveria ver este guia para iniciantes.

O objetivo é identificar o anseio, chamar atenção, ou despertar um alerta, que seu produto ou serviço ajudará a resolver.

Meio do funil

No meio do funil você está se relacionando com leads. Eles já estão muito mais perto de fazer uma compra do que um usuário que acabou de conhecer sua marca ou que acabou de descobrir que tem um problema.

Ele está indeciso e buscando alternativas. Esse é o estágio em que ele considera que precisa resolver/evitar/aproveitar sua solução.

Aqui geralmente entra a magia da automação de marketing com o apoio de diversos recursos e ferramentas:

  • Artigos exclusivos
  • Landing Pages
  • E-mail Marketing, SMS, Lista de Transmissão
  • Calculadoras/testes digitais
  • Chatbots
  • Vídeos

De maneira geral, o objetivo aqui é educar/provocar os leads, contribuir para a qualificação deles e amadurecimento em relação a uma solução. Isso é o que chamamos de oportunidades de vendas. E então avançar para última etapa.

Fundo do Funil

Aqui é onde um potencial cliente decide fazer negócio com você. Isso é o que chamamos de conversão.

Basicamente, os clientes que já estão na etapa de fundo de funil precisam de uma motivação final para concretizar a compra. Por exemplo, em um e-commerce, é o cliente que montou um carrinho de compras e o abandonou ou o que clicou várias vezes em seu anúncio do mesmo produto, mas não concluiu a compra.

É hora de dar aquele empurrãozinho e oferecer um frete grátis, um cupom de desconto ou qualquer outro incentivo que o faça fechar negócio.

  • Uso de Landing Pages de ofertas ou fechamento
  • Envio de propostas personalizadas
  • Cupom promocionais
  • Garantia de Bônus

E também é chegado o momento em que suas estratégias de vendas estejam alinhadas com sua equipe. Use estratégias como Outbound, Inbound e Inside Sales.

Vamos conversar!

Solicite uma consultoria gratuita para uma análise estratégica do seu negócio​

Como montar um funil de vendas prfissional

Como Montar Um Funil De Vendas - Blog UX4YOU

Vamos falar de como você monta um funil de vendas, sem cair em ações que possam se dispersar do objetivo principal de cada etapa.

1 – Defina qual produto ou solução você vai oferecer

Não caia na tentação de colocar um monte de soluções e pensar que o internauta seja obrigado a ler e entender tudo o que você vai querer “vomitar” em cima dele. Seja claro, objetivo e mais sensível possível aos diferencias que sua solução pode proporcionar.

Confira agora, 4 elementos essenciais para montar seu funil de vendas:

  1. Custo e forma de pagamento
  2. Formato (físico, digital, sob encomenda)
  3. Entrega (Download, link, correios)
  4. Componentes (Detalhamento de todos os recursos e diferenciais da sua solução)

2 – Defina o seu público alvo. Quem é a “persona” que vai consumir aquela oferta?

Não se esqueça um só momento, que você está vendendo para uma pessoa. Que vive em um mundo conturbado, acelerado, crítico e de lua rsrsrs. Então, quanto mais você conhecer o seu cliente, maiores são as chances de conquistar bons resultados.

Trace um perfil completo com informações como:

  • idade;
  • gênero;
  • onde mora;
  • estado civil;
  • interesses gerais;
  • com o que trabalha;
  • o que deseja;
  • sonhos e mais.

3 – Planeje sua oferta

Sua oferta é o que você oferece aos clientes em potencial quando eles chegam à sua landing page. Essa página, geralmente, é integrada ao site do seu negócio, que possui uma oferta, uma explicação direta sobre as suas vantagens e um formulário para que o usuário possa se cadastrar e receber o que você ofertou.

O objetivo da sua oferta é atrair a atenção e o interesse de clientes em potencial, fornecendo algo valioso. Isso vai motivá-los a avançar ao longo do funil. Exemplos comuns de ofertas incluem:

  • Ebooks
  • Vídeos
  • Landing Pages
  • Aplicativos
  • Anúncios
  • E outros mais

4 – Defina sua estrutura de automação digital

Automacao Funil De Vendas - Blog UX4YOU

Bom, formas de estruturar seu funil são inúmeras. Inclusive conheça nosso serviço de Gestão de Tráfego Avançado.

Com a estrutura certa e as ferramentas ideais, você terá uma base assertiva e mensurável de resultados.

Aí você deve estar se perguntando: quanto custa para fazer um funil de vendas?
Os valores são os mais variados. Aqui na UX4YOU, temos um método de plano de investimento onde você constrói seu funil de forma progressiva ou acelerada. A ideia é você focar no seu Funil de Vendas e aprimorar o mais importante, suas taxas de vendas, estando presente e ativo com sua equipe e carteira de clientes.

5 – Tenha metas claras e monitore os resultados

O funil de vendas no marketing digital é formado por uma série de etapas pelas quais um cliente em potencial passa para se tornar um cliente, desde o reconhecimento da marca até a conversão final. Quando criado corretamente, o funil de vendas de marketing digital aumenta:

  • O volume de leads qualificados;
  • A visibilidade entre os clientes em potencial;
  • A receita geral em seus negócios.

Resumindo, nos dias de hoje, se você deseja alta performance em vendas e fortalecimento da sua presença digital, o funil de vendas é essencial na construção de sua estratégia.

Agora que você sabe o essencial sobre funil de vendas no marketing digital, continue no nosso blog e entenda mais sobre estratégias de vendas e marketing para aplicar ao seu funil!

Forte abraço!

Como Vender Pelo Whatsapp 1 - Ericson Cardoso

Como vender pelo WhatsApp

Nos tempos de hoje é difícil pensarmos em um dia em que não abrimos o WhatsApp, principalmente nos dias de trabalho. Ele se tornou parte da rotina diária das pessoas de todo o mundo. Um estudo mostrou que 98% dos brasileiros utilizam ele diariamente (fico feliz de pertencer aos 2%). Devido a essa incrível popularidade ele é um canal tão poderoso para vendas. Por isso, nesse artigo vou te ensinar como vender pelo WhatsApp. Vamos lá?

Aprenda Como Vender Pelo Whatsapp - Blog UX4YOU

Para vender pelo WhatsApp é preciso compreender o impacto dessa ferramenta no mercado

Estamos falando de um aplicativo com mais de 2 bilhões de usuários no mundo inteiro, disponível em mais de 180 países com suporte para 60 idiomas diferentes e só no Brasil ele é utilizado por mais de 120 milhões de pessoas. É, sem dúvidas, o aplicativo mais popular do planeta. Aliás, ele assumiu essa posição no ano passado, quando finalmente superou o Facebook.

Para nossa alegria (usuários comuns) não tem previsão de ser habilitado anúncios e propagandas nessa ferramenta. Essa missão fica com outras plataformas mais voltadas para feeds sociais. O que nos dá uma visão e missão clara, que para vender pelo WhatsApp, precisamos trabalhar com um processo humanizado, tanto para vendas quanto para atendimento.

Agora falando do mercado de empresas o WhatsApp Business já possui mais de 5 milhões de usuários! Segundo o Sebrae ele já é utilizado por 72% dos empreendedores brasileiros que possuem lojas e empresas de pequeno porte. Imagina se contasse com o restante? 👀

Então partindo do preceito de que você já tem o WhatsApp Business instalado, se não tem instale. Não cometa o erro de misturar seus dados pessoais com os comerciais, e principalmente deixar de desfrutar dos recursos projetados exclusivamente para empresas.

Personalização: Sua Marca em evidência e devidamente posicionada

Como qualquer canal, é fundamental ter o toque visual da marca em evidência. Embora os recursos do WhatsApp Business sejam ‘poucos’ para este fim, confira como você pode personalizar:

  1. Coloque sua foto de perfil com um emblema da marca ou uniformizado – Lembre-se pessoas se relacionam com pessoas.
  2. Defina bem o propósito da sua empresa no Status do WhatsApp. Simples e objetivo.
  3. Utilize a aba de catálogo para colocar cards personalizados dos seus serviços
  4. Defina seu horário de trabalho e seja rígido com isso. Mais a frente eu detalho o motivo.
  5. Defina um dispositivo e um chip exclusivo para este fim
  6. Ao definir o porte da sua equipe você poderá usar ou o WhatsApp Web para conectar em até 4 dispositivos ou configurar o número em uma plataforma de WhatsApp Omnichannel (múltiplos usuários e recursos de automação)
  7. Adquira figurinhas personalizadas da sua marca, além de deixar o tom da conversa mais divertida, abre mais oportunidades de identificação com seu cliente.

Aproveitando esse momento, recomendo os serviços de personalização visual para empresas da Buzzei Comunicação. Eles são feras, inclusive cuidam de toda a comunicação visual na UX4YOU.

Precisa ter todos os itens personalizados? Não, mas é algo que você vai investindo aos poucos.  

Vamos conversar!

Solicite uma consultoria gratuita para uma análise estratégica do seu negócio​

Como vender pelo WhatsApp: Estrutura Digital e Direta

Vendas diretas, é uma das práticas mais usadas, antes mesmo da era do marketing digital. O processo basicamente consiste em gerar um script de vendas para abordagem, enviar através de listas de transmissão e focar nos usuários que retornam sua prospecção. A partir dali você mostra seu talento e habilidades de vendas. Falamos mais sobre isso no conteúdo Técnicas de Venda Direta para usar nas plataformas digitais.

Um alerta importante: evite ser considerado SPAM

Se você utilizar o WhatsApp unicamente para vender, e não incluir nenhum acompanhamento, envio de material relevante, utilizá-lo para um atendimento consultivo, você provavelmente será considerado spam.

Isso porque o spam é justamente o ato de “afogar” uma pessoa em mensagens totalmente comerciais.

Caso isso aconteça, o contato irá bloquear sua conta e você não poderá mais se comunicar por ele através do canal.

Estrutura Digital para vender pelo WhatsApp

Embora este aplicativo seja uma ótima ferramenta, existem etapas na jornada do cliente, inclusive do Funil de Vendas, que precisam de mais recursos digitais e ambientes apropriados. Isso amplia suas chances de conversão e não deixa leads abandonados, apenas por não converterem em sua tentativa de abordagem direta.

Mesmo que você esteja iniciado seu negócio recentemente, ou planeje abrir um, para vender na internet e pelo WhatsApp você precisa de posicionamento digital. Ter um site prático e funcional é um recurso valioso para atingir seus objetivos. Afinal, ele é a referência que sua empresa é uma empresa séria, real e com todo o suporte de atendimento necessário. Sabemos que é comum na internet os “golpes”, antes era só por SMS, agora o WhatsApp é a bola da vez, então conquistar a confiança é complicado. Mas que é rapidamente resolvido quando você tem uma boa referência de quem é sua empresa e uma apresentação mais ampla de suas soluções.

Outro detalhe importante é estar presente nas redes sociais, ter boas avaliações no Google, páginas de vendas específicas para cada solução. E se for o caso da sua solução ser vendida por meio digital, também é um diferencial a ser aplicado, definindo bem sua plataforma de pagamento. O próprio WhatsApp hoje oferece o WhatsApp PAY, integrado com sua conta do Facebook, facilitando a cobrança e recebimento através do WhatsApp.

WhatsApp + ações de atração

Existem momentos que precisamos fazer ações de abordagem visando atingir o maior número possível de pessoas. Juntamente com uma proposta que chame a atenção do usuário. Por exemplo, você vai divulgar um serviço de PetShop, onde sua empresa oferece o sistema leva e traz, para os moradores do bairro. O caminho mais recomendado é que você planeje um script com gatilhos mentais de novidade, urgência, autoridade entre outros, que façam jus em conquistar o usuário e ele querer saber mais.

Agora, você vai direcioná-lo para uma página de conversão, apresentar um micro vídeo, enviar um material demonstrativo. Onde ele vai apreciar as condições e detalhes da sua oferta e ali tomar sua decisão e será redirecionado para uma próxima etapa/ação.

E fica a dica: ao contrário do que muitos tendem a realizar, dê espaço para o usuário se manifestar. Quem aqui não recebeu aquela abordagem com uma onda de informação, que seus olhos não conseguem ler mais do que 3 linhas da mensagem e imediatamente pula direto pro final, isso quando não desconsidera a mensagem?

O importante é entender, que nesse caso, a venda pelo whatsapp não acontece de imediato, mas que abrirá a porta para o seu processo de comercial.

WhatsApp + ações de conversão

Depois que o usuário viu o seu material de vendas, ele pode retornar para sua conversa perguntando informações para fechamento da venda. Assim como, você pode contatá-lo após ele ter consumido esse material por outro fluxo. Isso chamamos de pre-venda ou prospecção ativa.

Exemplo: Olá Fulano! Sou Ericson Cardoso, estrategista digital pela UX e vi que você baixou nosso guia de como construir uma máquina de atração de clientes pela internet. Ficou alguma dúvida? Inclusive aproveito para te entregar um bônus especial que é uma consultoria digital grátis onde você simula como dar os primeiros passos no seu negócio. Basta me informar qual dia dessa semana você tem 30min para essa reunião virtual.

Estratégias beiram ao infinito, devido às variações de modelo de negócio, soluções e público. Isso depende da sua criatividade e maturidade de vendas para modelar essa etapa do seu Funil de Vendas.

Plano Comercial Para Whatsapp - Blog UX4YOU

Plano comercial para WhatsApp

Até aqui, você já teve uma visão clara do poder dessa ferramenta, viu como configurá-la para favorecer sua marca, em seguida falamos de estratégias de atração e conversão por meio de estrutura digital. Agora é hora de definir o plano comercial dessa poderosa ferramenta de vendas.

  1. Defina uma rotina de status
    • Eles, duram 24h. Então seja criativo e alterne em versões diferentes e suba um novo status a cada dia. Ele fica visível para todos que tem seu número salvo em sua lista de contato.
  2. Crie listas de transmissão
    • Com elas você poderá alcançar muitas pessoas, sem perder o diferencial da individualidade. E com uma programação periódica, você sempre pode abordar um contato sem perturbar a tranquilidade dele. Tenho certeza que você recebe ações assim de redes de alimentos da sua região.
  3. Participação em grupos
    • Ao participar de grupos que interagem com seu público, ou trocam informações do seu cotidiano, fica mais fácil das pessoas conhecerem você, seu serviço e add seu número. E assim aumentar o número de visualizações no seu Status.
  4. Planeje seus scripts
    • Não só para a venda, mas para cada etapa da jornada do seu cliente. Inclusive construa passo a passos e outras táticas para aprimorar sua experiência como usuário. Assim, você terá a abordagem certa, no momento certo.
  5. Equipe ou responsável
    • Quem lida com esses processos, deve estar bem alinhado com os planos comerciais e soluções da empresa. Pronto para direcionar o usuário para outros departamentos e canais.
  6. Invista no Pós-venda
    • Além de fortalecer o relacionamento com o cliente, você melhora a reputação do seu número nos algoritmos de SPAM do WhatsApp. E sempre se mostre disponível para ajudá-lo. Inclusive com a ajuda de um bom CRM, você pode saber o momento certo para dar aquela passada e convidá-lo para uma nova ação.
  7. Relacionamento
    • Após a venda, você já tem o contato daquele cliente. Não perca a oportunidade de levá-lo a suas ações de marketing, como receber os materiais do seu blog, site e redes sociais. Inclusive, participar do Grupo de WhatsApp específico da sua empresa.
  8. Respeite seu horário de atendimento
    • Em especial se você for uma empresa de serviços, o cliente vai aprender a respeitar os horários de atendimento da sua empresa e seus funcionários. Então configure bem as respostas automáticas pós expediente, sem dúvidas, elas deixarão seu cliente ou interessado, nutrido para seu retorno.
  9. Adicione seu número em outras plataformas
    • Aplique um botão fixo no seu site, loja ou páginas de vendas. Também em seus perfis de redes sociais. Inclusive aproveite essa mega integração entre Facebook, Instagram e TickTock.

Definição de Métricas para WhatsApp

Uma das vantagens de fazer vendas pelo Wpp é que ele oferece métricas relevantes para ajudar em sua avaliação de resultados. Um bom exemplo desses indicadores são: número de mensagens entregues, quantidade de mensagens abertas e volume de mensagens lidas.

Além de conseguir fazer uma relação entre o número de mensagens e a conversão. Ou seja, depois de quantas mensagens seu lead converte em uma venda?

Conclusão

Vender pelo WhatsApp é simples, devido ao número de informações nesse material pode parecer complicado, mas não é. Sua equipe de vendas logo pega o ritmo e você percebe nitidamente o crescimento dos seus resultados.

Por fim, quero reforçar a importância da sua empatia no relacionamento para ter sucesso em vendas pelo Wpp. Seja presente, mas não irritante, não bombardeie seus contatos de forma insistente, respeite seu tempo de reação, permita que a conversa flua deixando ele falar rsrsrs. Parece bobagem, mas é uma coisa que mais me assusta quando vejo os hábitos e comportamentos de alguns clientes quando estou dando a consultoria de marketing.

Vender pelo WhatsApp é uma das bases gostosas para trabalhar, só não supera o prazer da venda presencial. Quem é apaixonado por vendas entende do que estou falando. Ainda sim, mesmo sendo uma venda digital ele permite através de áudios (curtos), micro-vídeos e vídeo chamadas você tornar esse momento de venda mais humano, fraterno e confiante!

E agora, sua empresa está preparada para vender pelo WhatsApp?

Conte com minha ajuda para tirar suas dúvidas e principalmente te ajudar a construir sua estrutura digital. Basta clicar aqui, e solicitar uma demonstração da nossa equipe.

Quando usado com atenção, cautela e eficácia, o WhatsApp pode se tornar um grande aliado para o seu negócio.

Espero que este artigo tenha sido bastante útil para ajudar você a aproveitar as oportunidades abertas por um dos apps mais famosos dos últimos tempos.

Forte abraço!